Skip to content

O Sampa Dança por trás da Dança

junho 14, 2010

Muito mais do que oficinas, bailes, palestras, apresentações e relacionamentos. Como se não bastasse o que é óbvio, o Sampa Dança traz também o não óbvio, carrega em sua essência o vírus primordial da realização, a “ação”. Dizer que não é fácil realizar um evento deste porte seria lógico demais pra ser colocado em outra frase, “Pergunte pro Andrei e toda a sua equipe!”. Mas pergunte também se vale a pena e terá outra resposta óbvia, aliás, toda ação feita com paixão vale a pena, estou certo que não sou o único apaixonado pelo evento, visto o grande número de participantes, diga-se de passagem, satisfeitos!  

Todos os participantes deixaram (com prazer ou com pesar) os seus lares e a companhia dos parentes durante um feriado (emendado para alguns) para participar, não importa como ou quanto, de um evento sem igual! Desnecessário falar das qualificações dos profissionais, mas absolutamente encantador vê-los de frente uns para os outros, confraternizando o melhor da dança: “o ato de dançar”.

A própria ação de dançar tem o poder de causar uma reação clara e nítida, basta imaginar todas aquelas pessoas trocando informações, e o mais lindo, usando e aplicando o que aprendeu e passando para os seus alunos e amigos, isso é a magia da construção, é muito prazeroso ver e ajudar a construir a dança do nosso tempo, com tudo que é tradicional do lado de tudo aquilo que é novo, e participando cada qual faz sua parte para uma evolução melhor.

Depoimento do participante Luis S. Castelã sobre o Sampa Dança 2010.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: